18 de fev de 2008

DISCURSO DIRETO E INDIRETO

Transformação do Discurso Direto em Discurso Indireto

Discurso Direto

Discurso direto caracteriza a fiel reprodução da fala dos personagens. Pode ser marcado por travessões ou aspas, indicando exatamente o que teria sido dito na ocasião dos acontecimentos. É de praxe que o discurso reproduzido seja antecedido de verbo de elocução (falar, dizer, contar, explicar, perguntar etc). Vejamos exemplo abaixo:

Tenho certeza de que ninguém ouviu minha resposta, mas todos adivinharam qual foi, porque ela arregalou os olhos e exclamou:
- Uai... as necessidades neste saquinho? No avião não tem banheiro?

Observe que o trecho em negrito representa a fala da personagem. Ou seja, não foram adaptadas à voz do narrador.

Discurso Indireto

Nessa modalidade de discurso, as falas dos personagens são adaptadas à do narrador, ou seja, não há reprodução fiel e, por isso, a temporalidade do verbo é passada em relação à do discurso direto. Vejamos como ficaria a estrutura do exemplo mencionado para o discurso direto:

Tenho certeza de que ninguém ouviu minha resposta, mas todos adivinharam qual foi, porque ela arregalou os olhos e indagou se as necessidades seriam realizadas naquele saquinho, questionando se o avião não possuía banheiro.


Observe que há, claramente, uma acomodação do texto do personagem para o texto do narrador.


Discurso Indireto Livre

Nessa modalidade de discurso, as falas do narrador e dos personagens são fundidas, convertendo-se em uma só e indicando uma indefinição. Na estrutura textual, aparece dentro do texto do narrador, mas constitui um segmento que poderia ser pronunciado por um dos personagens.

Luiz adorava ler em momentos de descanso. Não havia uma hora vaga, um minuto livre, em que ele não ficasse de pestanas paradas, concentrando-se em alguma história de amor. Que coisa, cadê a vontade de dormir, de comer, de conversar? Só havia tempo para a leitura.


Não há como atribuir, exatamente, se o trecho destacado refere-se à voz do narrador ou à voz do personagem.

Nenhum comentário: