20 de ago de 2008

INTERPRETANDO E RESPONDENDO COM CLAREZA QUESTÕES DE OUTRAS DISCIPLINAS

O vestibular, nos últimos tempos, tem exigido mais que o aluno aprenda a lidar com situações do dia-a-dia, as provas requerem a interpretação das situações, independentemente da disciplina. Muitas vezes, por essa falta de interpretação, os alunos “pecam” não em química, física ou matemática, mas não compreendendo o que se pede para uma resposta discursiva. Sugerimos, a seguir, respostas claras e objetivas às questões, que demonstram o entendimento do aluno ao que foi solicitado. Vejamos a interpretação e resposta à questão a seguir


(Pucmg 2003) Com uma frota de nove caminhões, uma transportadora levará 2880 tambores desde uma fábrica até uma loja onde o produto será vendido no varejo. Cada um dos caminhões transporta, no máximo, 40 tambores por viagem da fábrica até a loja. Qual é o número mínimo de viagens que a frota deverá fazer para efetuar o serviço?

A questão quer, na verdade, saber quantas viagens a frota de nove caminhões precisa fazer, cada um com, no máximo, 40 tambores para que consigam transportar um total de 2.880 tambores. Vejamos a simples resolução, que não precisa ser detalhista, pois algumas informações estão implícitas. Sob esse raciocício, responder é muito simples. Verifiquemos uma resposta:


Ora, se a frota tem 9 caminhões, e cada um carrega até 40 tambores, em cada viagem serão transportados 360 tambores. Como é preciso fazer o transporte de todos eles (2.880), em 8 viagens, a frota de caminhões realizará esse serviço.
Percebam que algumas informações já estão subentendidas. Não é preciso fazer um cálculo detalhado para mostrar que 360 é o resultado de 9 caminhões transportando 40 tambores. Nem também é preciso dizer que o resultado de 8 viagens dá-se a partir da divisão de 2.880 por 360. Simples, não? É só interpretar.
Um abraço a todos.

Nenhum comentário: