16 de mai de 2010

QUE SAUDADE DE CORRIGIR REDAÇÃO

Houve um tempo em que eu não podia me mexer de tanta redação para corrigir. Tempos contraditoriamente bons. Hoje, eu tenho outras atribuições, atividades da Escola e planos, mas sinto muito falta dos tempos em que tomava, no mínimo, 60 ou 70 redações.
A coisa está tão séria que, pelo fato de receber poucas redações, às vezes até acabo esquecendo de corrigi-las e o tempo médio de entrega, que deveria ser menor, aumenta.
Faço um pedido. Quem acompanhar esse blog, mande-me redações para que eu corrija. Faço-o com o maior prazer de quem atua numa área bastante significativa no vestibular. Alunos, escrevam-me, que eu responderei, mesmo com várias tarefas a cumprir.
Vamos escrever mais. Isso é um aspecto fundamental.

Cassildo.

5 comentários:

Clistenes disse...

Acompanhar este blog está se tornando quase que uma obrigação para mim. Não somente pelas excelentes matérias aqui publicadas, mas também pelo empenho de seu autor em mantê-lo atualizado, fazendo do blog um ótimo ponto de referência para vestibulandos como eu. Cassildo, é admirável a sua conduta. Raramente são encontrados profissionais da educação preocupados na socialização do conhecimento. Portanto, vem aqui o meu sincero agradecimento.
Abraço.

CASSILDO SOUZA disse...

Muitíssimo obrigado, Clístenes. Eu faço isso com o maior prazer. Quero poder dar minha parcela à sociedade, devolvendo para ela o que fez por mim, como cidadão. Posso errar, pois não sou perfeito, mas não ninguém jamais poderá me considerar um profissional omisso, descomprometido com meus ideais e com minha função. Gostem ou não, estou cumprindo meu papel. E o bom é que alunos de seu nível tem se agradado, pois entendem a verdadeira essência do que é transmitir conhecimento.
Um grande abraço.

Ana Valéria disse...

E como eu faço para enviar minhas redações para voce ? E outras dúvidas miiillll de português que tenho ? Sou formada em Matemática e estava cursando Filosofia mas resolvi dar um tempo para estudar para a Receita Federal e descobri que tenho alguns traumas com o português (alguns estão sendo resolvidos por aqui) mas esse trem de redação... Tipologia Textual e separação silábica... aiaiaiaiai... por mais que eu ache que entendi... sempre vem uma questão que me derruba... rsrsrsrs

CASSILDO SOUZA disse...

Ana Valéria, pode mandar para o e-mail: duvidasnoar@hotmail.com. Eu leio, corrijo e devolvo, tudo bem?
Um abraço.
Cassildo.

Alan Aguiar Paulino disse...

Professor,acabei de encontrar o seu blog,li alguns textos e,simplismente, adorei!Eu adoro escrever,inclusive,estou postando alguns textos no blog de um antigo professor meu que acabou se tornando um grande amigo.Tenho vários textos(só que estão em papel,ainda tenho que digitá-los), mas lá no blog só tem 4 que são de minha autoria,pois comecei a postar hoje.Vi aquele texto em que você mensiona que adora corrigir redações,pois então me dê o prazer de ter meus textos comentados por você lá no blog.Está aqui o endereço: http://profhernanefreitas.blogspot.com/