27 de set de 2012

ISOLADO DE REDAÇÃO DE 27.09.2012


PARÁFRASE – VERSÕES DIFERENTES PARA O MESMO TEXTO

Paráfrase

            Significa a reescritura de um texto sem alteração de sentido. É comum que os exames vestibulares e concursos em geral se baseiem nesse conhecimento para elaborar as questões de interpretação, considerando vários recursos explicados a seguir:

a) Emprego de sinônimos:
1. Como era domingo, queria descansar um pouco
2. Porque era domingo, desejava repousar um pouco.

b) Emprego de antônimo com apoio de uma palavra negativa:
1. Ela estava mal.
2. Ela não estava bem.  

c) Utilização de termos anafóricos:
1. Paulo e Antônio já saíram. Paulo foi às compras; Antônio, ao escritório.
2. Paulo e Antônio já saíram. O primeiro foi às compras; o segundo, ao escritório.

d) Troca de termo verbal por termo nominal ou o contrário:
1. É necessário que todos se esforcem.
2. É necessário o esforço de todos.

e) Mudança de voz verbal:
1. O conteúdo foi abordado pelo professor.
2. O professor abordou o conteúdo

A seguir, serão disponibilizados 3 diferentes versões com o mesmo sentido e unidade, dentro das definições de paráfrase.

1ª VERSÃO

Na verdade, as emissoras de TV que oferecem esse modelo de atração lucram bastante com os anunciantes e não estariam nem um pouco dispostos a trocá-lo por programas educativos, culturais, o que seria bem melhor para o país. Por esse mister, tal idéia é incogitável. No entanto, aqueles que por acaso não se afinam com tal atração têm – hoje muito mais do que antes - opções abundantes para escolher gêneros diferentes, sem se incomodarem com os reality shows.”
2ª VERSÃO

“Na realidade, os canais de TV que oferecem tipo de atração lucram consideravelmente com os patrocinadores e não estariam jamais propensos a substituí-la por programações educativas, de cunho cultural, o que seria bem mais interessante para o país. Em virtude disso, essa idéia é impensável. Porém, aqueles que porventura não se identificam com a programação possuem – agora mais do que nunca – inúmeras opções para escolher outros gêneros, sem se importarem com os reality shows.”

3ª VERSÃO

“Evidentemente, os canais televisivos que disponibilizam esse gênero de programação faturam demais com as propagandas e não se disporiam nem um pouco a trocá-lo por atrações educativas ou culturais, o que seria bem mais decente para a nação brasileira. Por essa razão, tal proposta é inconcebível. Entretanto, os que eventualmente não apreciam o referido gênero têm – atualmente bem mais do que antes – alternativas de sobra para optar por gêneros diferenciados, sem se aborrecerem com os reality shows.”

ATIVIDADE PRÁTICA

Construa uma nova versão para o parágrafo abaixo

“.Entretanto, essa função não é mais verdadeiramente desempenhada, sendo comum encontrarmos casos em que irmãos se agridem ou, até mesmo, o pai ou a mãe maltratam seus filhos, exemplo do recente caso Isabella Nardoni, que obteve repercussão nacional. A violência contra as crianças ocorre constantemente, porém são poucos aqueles que são denunciados e punidos, fazendo com que a justiça, o governo e a sociedade não tomem conhecimento de todas as ocorrências. Desta forma, nós próprios estamos ajudando para que esse tipo de agressão seja cada vez mais comum. Não existem justificativas para a violência, pior ainda quando esta é praticada contra inocentes e indefesas crianças.

Nenhum comentário: