16 de fev de 2013

HOMENAGEM DE GIÂNOTE ARAÚJO AO PROFESSOR SIMÃO LUIZ DOS SANTOS

“Stand up”, “sit down” foram essas as primeiras palavras que ouvi em Inglês, em sala de aula, na minha vida. Chegaram através de uma voz forte e pela boca de um homem que, a partir daquele dia, despertaria em mim a curiosidade por idiomas estrangeiros. Era manhã de segunda-feira no ano de 1989. Nessa época, era comum os alunos ficarem de pé no momento da entrada do professor em sala e só sentarem após a autorização do mesmo. Hoje, manhã de sexta-feira no ano de 2013, acordei sem palavras. Uma trava na garganta me impede de exprimir a sensação de perda que tomou conta não só de mim, mas de todos aqueles que tiveram a oportunidade de conhecer o trabalho desenvolvido pelo mestre que hoje partiu. Por outro lado, me sinto na obrigação de oferecer-lhe palavras, pois foi exatamente isso que recebi durante o contato que tive com o homem que trouxe para Currais Novos o primeiro projeto de doação de vocabulário para aqueles que queriam ampliar suas formas de comunicação. O professor de quem eu falo está, no dia de hoje, me provando que a forma mais bela de se dar continuidade à vida é propagar ideias, é passar conhecimento adiante, é plantar nos outros a semente da paixão por aquilo que se ama. Meu primeiro e grande mestre ainda vive, foi fruteira da qual seus frutos foram aproveitados e seu saber continuará sendo repassado. Essa, para mim, é a vida eterna. Grato, Simão Luiz!


Giânote Araújo

Nenhum comentário: