28 de nov de 2013

O MAL DO FUTEBOL


Não somos apaixonados pelo futebol. Somos alienados, o que é bem diferente. Nunca colocaria em risco uma amizade por causa de jogo de bola. Alguns de meus melhores amigos não querem nem falar no Vasco, isso só mostra o quanto bola é insignificante perto de uma amizade verdadeira. Ficar brigando por causa disso revela uma imaturidade típica da época das eleições municipais, quando muitos rompem uma relação sadia por causa de outros. 

Futebol é bom, desde que levado na boa, como deve ser qualquer esporte. O que sai disso é, para mim, falta de bom senso.

Se o Flamengo venceu, parabéns; se o Vasco cair, paciência. Nossas vidas não podem ser regidas por essas questões. Temos tantas coisas importantes para dar conta! Pelo menos eu tenho.

Aos meus amigos flamenguistas, parabéns. Aos que não conseguem separar futebol da vida cotidiana, minhas lamentações. O fraco nível do futebol brasileiro os merece.

Nenhum comentário: