9 de nov de 2009

SER CONTRA, A FAVOR OU FICAR NEUTRO?


Uma das dúvidas maiores dos alunos que prestarão vestibular, no momento da redação, é o posicionamento a ser assumido. Alguém já me perguntou: "professor, se eu for contra, posso, ainda assim, expor os pontos favoráveis?"


Respondo no ato: "Pode".


O fato de o aluno ser favorável a determinado posicionamento, não o exclui de reconhecer pontos negativos ou contrários àquilo que defende. Todas as propostas de redação tratam de temas polêmicos, e usualmente essas temáticas apresentam idéias controversas. Do mesmo modo, se alguém está posicionando-se contra determinada atitude, também não se pode recriminar o reconhecimento aos aspectos positivos. Ou seja, o importante é que no final do texto, especificamente na conclusão, haja uma clareza. Após tudo que foi debatido, aprofundado ou argumentado, é preciso estabelecer uma definição.


Tanto é assim, que hoje as propostas de redação - por exemplo, as da UFRN - trazem uma terceira opção, a da OPINIÃO PARCIAL. Isso também não significa que o aluno deva "ficar em cima do muro". É que, escolhendo tal opção, ele poderá ser CONTRA ou a FAVOR, mas deverá abordar os pontos controversos no texto, reconhecendo haver pontos aceitáveis que não sejam somente aqueles de sua opinião.


Então, ao posicionar-se A FAVOR DO ABORTO, o aluno que escolher a opção PARCIAL, deverá reconhecer os pontos negativos também; de mesma maneira, ao optar pelo posicionamento PARCIAL, o candidato CONTRA A LEGALIZAÇÃO DAS DROGAS também deverá reconhecer os pontos positivos caso isso viesse a se concretizar.


Por essas razões, sempre que houver três opções: CONTRA / A FAVOR / PARCIALMENTE ou EM PARTE, a melhor estratégia é escolher a terceira, pois é improvável que algum tema só apresente pontos unicamente POSITIVOS ou unicamente NEGATIVOS.


Caso a proposta de redação traga somente duas opções - CONTRA ou A FAVOR - isso também não impede de abordar pontos FAVORÁVEIS e CONTRÁRIOS, desde que fique clara a sua posição FINAL.


Por ora, é isso. Quem sabe eu não poste mais alguma coisa até o fim do dia.


Cassildo.

Nenhum comentário: