3 de jun de 2010

MAIS UM MODELO DE ARTIGO - BÔNUS

Coloco à disposição dos meus poucos seguidores e heróis que acompanham meu blog, um modelo de Artigo de Opinião redigido agora há pouco para um material de pré-vestibular que entregarei nas próximas horas. É básico, não possui nada de extraordinário, mas visa a orientar como se deve estruturar um texto de natureza argumentativa em geral, pois tanto na CARTA quanto na DISSERTAÇÃO, também se deve preservar a divisão em três partes principais.

OS PARADOXOS DO MUNDO VIRTUAL

INTRODUÇÃO – TESE

Vivemos um período em que quase tudo é virtual: Compras on-line, músicas em formato MP3, Livros armazenados em dispositivos portáteis, valores guardados em caixas eletrônicos, identificados por uma senha e retirados com um cartão. O advento tecnológico trouxe mudanças radicais - positivas e negativas - obrigando as pessoas a uma adaptação para a qual nem sempre estão preparadas.

DESENVOLVIMENTO – 1º ARGUMENTO

É importante ressaltar que, como todos os segmentos, a “virtualidade” tem seus pontos positivos e negativos: Numa das instâncias, facilita nossas vidas, evita deslocamentos gigantescos, permitindo comunicação intercontinental, inclusive com grande utilidade na área medicinal, em que laudos e exames médicos são transferidos via on-line em segundos, evitando a demora da entrega de uma correspondência pelo serviço postal até se conhecer o resultado de um exame.


DESENVOLVIMENTO – 2º ARGUMENTO

No entanto, também não podemos nos esquecer da vulnerabilidade que é a dependência das redes de informação. Hackers maldosos roubam dados importantes como nºs. de CPF, cartão de crédito e data de nascimento, clonam documentos com senhas subtraídas de quem está fazendo uma transação na Internet, pirateiam CDs e DVDs, tudo pela facilidade digital que nossa época permite.

CONCLUSÃO - SOLUÇÃO/SUGESTÃO/RETOMADA DA TESE

Diante das ponderações anteriores, caberá a nós, enquanto inevitáveis usuários dessa nova sistemática, distinguir os pontos que levam ao risco e os aspectos que facilitam a nossa vida. Ninguém, por mais radical que seja, está imune aos efeitos da era digital, por isso devemos nos moldar a ela, utilizando aquilo que nunca será dispensável, em qualquer que seja a idade: o conhecimento.

Um comentário:

Clistenes disse...

Quanta modéstia: "...poucos seguidores e heróis que acompanham meu blog". Posso estar enganado, mas desde que comecei a acompanhar este blog - há aproximadamente um mês - notei uma "pequena" diferença na quantidade de acessos de antes para agora. Na minha primeira visita a quantidade de acessos estava em torno de 121.000, o que resulta em uma diferença de cerca de 10 mil consultas em relação à atual quantidade.
Creio que muitos alunos compreenderam o verdadeiro valor das informações aqui postadas.
Abraço, Cassildo.